A Secretaria de Saúde de Várzea abre campanha de vacinação contra influenza

Resultado de imagem para campanha de vacinaçãoDe 17 de abril até o dia 26 de maio não deixe de se vacinar. A campanha está sendo realizada numa parceria entre a Secretaria de Saúde de Várzea e o Ministério da Saúde. A vacinação é considerada como a forma mais eficaz para prevenção da influenza grave e suas complicações. As vacinas vão estar disponíveis nas Equipes de Saúde da Família (ESF).

O público alvo da campanha são as crianças com mais seis meses e os menores de cinco anos, além das gestantes, mulheres com até 45 dias após o parto, trabalhadores de saúde, indivíduos com 60 anos ou mais de idade; povos indígenas, detentos e funcionários do sistema prisional, incluindo adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade, submetidos à medidas socioeducativas; as pessoas portadoras de doenças crônicas não-transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

A população deve acompanhar o cronograma, para comparecer à unidade de atendimento, portando documento de identificação e cartão de vacinação. No caso das gestantes e mulheres no pós-parto, documento que comprove a gestação (certidão de nascimento, cartão da gestante, documento do hospital onde ocorreu o parto, entre outros).

As pessoas portadoras de doenças crônicas não-transmissíveis e outras condições clínicas especiais, independentes da idade, terão a necessidade ainda de apresentar prescrição médica, especificando o motivo da indicação da vacina.

Professores das redes públicas e privadas.

A gestão municipal, através do prefeito Toninho e da secretária de saúde, Marcia Lima, em parceria com toda a equipe de saúde do município, ressalta que, não serão medidos esforços para promover o bem-estar da população varzeense, garantindo a disponibilidade de todos os meios necessários para que o público alvo da campanha seja atendido em sua totalidade e as metas de cobertura vacinal sejam alcançadas.

A INFLUENZA – uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. A doença se caracteriza pelo aparecimento repentino de febre, cefaléia, dores musculares (mialgia), tosse, dor de garganta e fadiga.
Considerada de alto risco de transmissão e de rápida disseminação, todo cuidado é pouco.

ACOMPANHE O CRONOGRAMA DE VACINAÇÃO:
18 a 20 de abril: profissionais de saúde, gestantes e puérperas;
24/04 a 12/05: crianças de seis meses a menores de cinco anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias)
13 de maio: dia “D”;
13 a 26 de maio: Idosos a partir dos 60 anos, professores, portadores de doenças crônicas, povos indígenas, detentos e funcionários do sistema prisional, incluindo adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade, submetidos à medidas socioeducativas; as pessoas portadoras de doenças crônicas não-transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

FONTE: BLOG JEFTE NEWS
Compartilhe este artigo :
 
BLOG - JEFTE NEWS 2013
Blog Filiado a Rede Sertão-PB