Santa Luzia e mais três cidades da Paraíba tem São João divulgados na Europa pela Embratur

Os festejos juninos do Brasil, entre eles o de Campina Grande, Bananeiras, Santa Luzia e João Pessoa, na Paraíba, serão apresentados em quatro países da Europa entre os dias 7 de abril e 28 de maio em Lisboa, Madri, Roma e Paris. A iniciativa é da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) por meio do projeto Brasil Junino que é uma amostra do tradicional São João brasileiro.

A Embratur destacará as principais festas, como a realizada em Campina Grande, porém, o Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico e a PBTur (Empresa Paraibana de Turismo), estará participando mostrando aos agentes de viagens europeus peculiaridades dos eventos de outras cidades, inclusive, João Pessoa, considerada a porte de entrada dos turistas no estado.

Em uma parceria com a ABIH (Associação Brasileira da Indústria Hoteleira, secional Paraíba), haverá também um processo de capacitação para agentes de viagens. Serão 80 profissionais, ao todo 320 profissionais do turismo que comercializam os roteiros diretamente com o público final. Durante as ações da Embratur, serão exibido um vídeo institucional com tradução para o idioma de cada nacionalidade.

Durante a apresentação do Brasil Junino, será montado um verdadeiro arraial junino, onde serão realizados shows, apresentação de quadrilhas, além de serem oferecidos pratos típicos da época. Em Lisboa, já estão confirmadas as apresentações dos paraibanos Elba Ramalho, Os Gonzagas e Lucy Alves. Os eventos acontecerão em espaços públicos das capitais européias e terão entrada grátis.

O presidente da Embratur, Vinicius Lummertz, defende a promoção internacional das festividades juninas como uma alternativa no combate à sazonalidade turística. “Depois do carnaval, o São João é considerado a festejo popular mais comemorado pelos brasileiros. Queremos, com essa estratégia, assegurar uma procura ao longo de todo o ano”, explica.

A ação tem a expectativa de atingir um público direto de mais de 40 mil pessoas, além do trade turístico, a imprensa geral e especializada e formadores de opinião de países considerados estratégicos. “Portugal, Espanha, Itália e França estão no bloco dos principais emissores de turistas para o Brasil, além de possuírem predileção pelo turismo cultural. Apoiar ações como essa é uma grande oportunidade para mostrar as tradições juninas como mais uma opção de manifestação artística popular além do carnaval”, reforça Lummertz.

Fonte: Secom PB
Compartilhe este artigo :
 
BLOG - JEFTE NEWS 2013
Blog Filiado a Rede Sertão-PB