Cidades turísticas da Paraíba


 Cidades turísticas da Paraíba
O Ordenamento Territorial do Turismo da Paraíba, documento elaborado pela PBTUR, registra que a Paraíba tem 59 municípios com potencial turístico. O roteiro envolve todas as regiões do Estado e inclui monumentos históricos e tombados; belezas naturais, turismo de eventos, turismo de aventura e religioso. No Litoral, Brejo, Cariri, Curimataú e Sertão da Paraíba há paisagens que encantam os visitantes. Apresento aos internautas alguns informes sobre as atrações turísticas de nosso estado.

No Litoral paraibano existem quinze municípios turísticos: João Pessoa, Bayeux, Santa Rita, Cruz do Espírito Santo, Cabedelo, Lucena, Mamanguape, Rio Tinto, Marcação, Baía da Traíção, Mataraca, Conde, Pitimbu, Sapé, Pilar. Destaques para belíssimas praias a exemplo de Coqueirinho e Tambaba, no Conde; Tambaú e Cabo Branco, na Capital, além do sol, muita opção cultural e gastronômica. Em Cabedelo, os destinos mais procurados são o pôr do sol na praia de Jacaré, Areia Vermelha e o Forte de Santa Catarina. Em Lucena, lindas praias e a Igreja de Nossa Senhora da Guia.

Mamanguape é uma cidade das mais antigas da Paraíba. Em 1859 recebeu a visita do Imperador D. Pedro II. Antes, por volta de 1.500, foi palco de batalhas entre franceses e holandeses. Pertinho de Mamanguape, fica o município de Rio Tinto. Uma opção é a visita à Reserva Biológica Guaribas, (peixe-boi marinho) e reservas dos índios Potiguara. Na sequência, vale uma parada no município de Marcação. Na Baía da Traição o turista pode conhecer o artesanato dos indígenas Potiguara e as belas praias ainda selvagens. A praia de Camaratuba, na cidade de Mataraca, é um encanto. No Litoral paraibano também há opções de caminhadas, passeios de barcos, jangada ou canoa e banho de cachoeira. As torres gigantes que produzem energia eólica, modificaram a paisagem em Camaratuba. Na visita, fotos são indispensáveis.

A região do Brejo possui dez municípios turísticos: Areia, terra do pintor Pedro Américo, lugar de muita cultura e história; Arara, Alagoa Nova, Alagoa Grande, berço do Jackson do Pandeiro, o Rei do Ritmo; Bananeiras, Guarabira, Pirpirituba, Pilões, terra das flores; Solânea e Serraria. No Brejo o turista tem três roteiros incríveis: os Caminhos do Frio; o Roteiro Integrado da Civilização do Açucar (visita a antigos engenhos e alambiques que ainda produzem cachaça, rapadura e açúcar mascavo); e os Caminhos do Padre Ibiapina.

No Agreste paraibano outros dez municípios ostentam potencial turístico: Campina Grande, Algodão de Jandaíra, Araruna (onde o turismo religioso e de aventuras é forte, com a o Santuário da Santa Fé, e a famosa Pedra da Boca); Cuité, Fagundes, Ingá (pedras de Itaquatiara), Picuí (Festival da Carne de Sol); Pedra Lavrada; Pocinhos e Queimadas.

Uma outra região da Paraíba rica em atrativos turísticos é o Cariri onde o turista pode visitar as belezas de nove cidades, incluindo Cabaceiras, a sétima cidade mais antiga do Estado e nacionalmente conhecida pela Festa do Bode Rei e como cenário de vários filmes, tendo o Auto da Compadecida como o mais famoso. A “Roliúde Nordestina” é bastante visitada também no verão, por muitos turistas europeus que são atraídos sobretudo pelo Lajedo de Pai Mateus, uma centena de pedras gigantes somente encontradas em outros três lugares do planeta. Os demais municípios turísticos do Cariri são: Monteiro, terra do forró; Boa Vista, Boqueirão; Prata; Sumé; Serra Branca; São João do Cariri e Taperoá.

A viagem pelos rincões da Paraíba termina pelo Sertão, região que apresenta potencial turístico em quinze cidades: Sousa, Aparecida, Cajazeiras, Coremas, terra das águas; Maturéia, onde existe o Pico do Jabre, o mais alto do Estado; Patos; Piancó, Pombal; São Bento (terra das redes); Santa Luzia; São João do Rio do Peixe; São Mamede; Teixeira; Triunfo e Vieirópolis.  Destaques para o Vale dos Dinossauros, em Sousa; a Fazenda Acauã, em Aparecida e a Estância Termal Brejo das Freiras, em São João do Rio do Peixe.

A BR-230, corta a Paraíba com destino ao Sertão nos seus 500 quilômetros de extensão em nosso território. A partir da BR-230 ou Rodovia Governador Antonio Mariz, se tem acesso ao Cariri, pela BR-412. Para o Brejo, a rota principal é a PB-073, a partir da BR-230. Para explorar o Litoral Sul as rodovias BR-101 e a PB-008 são os principais acessos. Quando o destino for o Litoral Norte, o turista tem as opções da BR-101 e a PB-025. Aos paraibanos que ainda não conhecem seu estado, eis aqui diversas opções de lazer, aventura. Vale planejar um passeio, fazer as malas e viver emoções nos cenários que encantam os olhos e fazem bem ao coração.
 
Josélio Carneiro
Compartilhe este artigo :
 
BLOG - JEFTE NEWS 2013
Blog Filiado a Rede Sertão-PB