Instituições aderem à nova greve nacional e fazem ‘esquenta’ nesta terça-feira na Paraíba

Ações ocorrem ao longo do diaInstituições públicas devem fechar e serviços serem suspensos na próxima sexta-feira (30) em ‘Greve Geral’ organizada por centrais sindicais em todo o país. Na Paraíba, já confirmaram adesão ao movimento as universidades estadual (UEPB) e federal de Campina Grande (UFCG). 

A paralisação acontece em protesto às reformas da Previdência e Trabalhista, consideradas essenciais para o Brasil pelo governo federal. No dia 28 de abril, houve manifestação semelhante. Na capital paraibana, o trânsito ficou caótico por causa do bloqueio de avenidas.

Os professores da UEPB se reúnem na tarde desta terça-feira (20) no que chamaram de “esquenta para a segunda Greve Geral”. A adesão oficial ao movimento será marcada por panfletagens pelo Centro de Campina Grande, a partir das 14h, além de ato público na Praça da Bandeira, às 16h. Depois, ainda haverá reunião na sede da Associação dos Docentes (Aduepb).

Além das críticas ao governo federal, os professores também travam batalha com a administração do Estado. Eles estão em greve há dois meses e pedem aumento salarial e descongelamento do Plano de Cargos, Carreira e Remunerações, entre outras melhorias.

A programação da Associação dos Docentes da UFCG (Aduf-CG) já começou. Durante a manhã, acontece panfletagem no portão principal do campus de Campina Grande, seguido de cortejo com trio de forró pelas unidades acadêmicas de todos os centros. À tarde, os professores da UFCG se unem aos docentes da UEPB nos mesmos eventos.

Fonte: Portal Correio
Compartilhe este artigo :
 
BLOG - JEFTE NEWS 2013
Blog Filiado a Rede Sertão-PB